Franchising de escolas de idiomas pode ser um bom negócio

Para muitos brasileiros, iniciar um empreendimento é um sonho comum. Um estudo realizado por uma empresa especializada em pesquisa digital, a MindMiners, aponta um número interessante. Cerca de 66% da população gostaria de empreender.

ANÚNCIO

Diante dessa preferência, um tipo de negócio surge como uma excelente alternativa para quem quer começar. Este modelo é o franchising, mais conhecido como franquia. A solidez da marca, a reputação e os processos já organizados fazem com que a alternativa de empreendimento se destaque entre as demais.

Além disso, é possível ter acesso a um índice maior de sucesso, por conta do público que já conhece a marca e muitas vezes possui uma fidelidade. No caso das escolas de idiomas, essa pode ser uma alternativa que fará toda a diferença.

ANÚNCIO
Foto: (reprodução/internet)

As vantagens do franchising

É fato que para empreender, você precisará passar por um longo processo de aprendizado. Entre os conhecimentos a serem adquiridos, a gestão de pessoas é um dos mais importantes. Afinal, não se faz negócio sem uma equipe bem preparada.

No entanto, para iniciar um empreendimento no formato de franchising, o futuro empresário não precisará investir tanto tempo aprendendo. As franquias, no geral, são a primeira opção para quem não sabe exatamente por onde começar ou ainda não dispõe de experiência com a gestão de negócios.

ANÚNCIO

Afinal, o franqueado não precisa ter, necessariamente, um conhecimento prévio em administração para começar a empreender. Isso acontece devido à preparação das marcas para expandir o negócio por meio do franchising.

Dados mostram um negócio promissor

Para se assegurar da qualidade das lojas a serem abertas, as empresas preparam um material bem estruturado, com planos de ações, exigências e demais direcionamentos ao franqueado. Ao futuro empreendedor, cabe o esforço para aprender e desenvolver o modelo já preparado pelo franqueador.

Existem diversos segmentos a serem seguidos no modelo de franchising. Você poderá escolher entre áreas como alimentação, saúde, academias e muitos outros. No entanto, o setor que tem demonstrado uma participação mais expressiva no mercado é o relacionado à educação.

Segundo a Associação Brasileira de Franchising - ABF, o número de franquias no ramo de educação mostrou uma evolução interessante. Comparando o primeiro trimestre deste ano com o do ano passado, o aumento foi de 8,1% no faturamento acumulado.

Algumas informações sobre a Rockfeller

No segmento educacional, existem várias escolas de idiomas que funcionam no formato de franchising. Entre elas, está a Rockfeller Language Center.

Para expandir sua área de atuação, a Rockfeller disponibiliza um material de gestão bem pensando para o franqueado. A administração da escola é dividida em quatro áreas principais para o bom funcionamento:

  • Gestão pedagógica;
  • Gestão comercial;
  • Gestão de negócio,
  • Gestão de marketing.

Além disso, também é oferecido um treinamento para capacitar a equipe financeira, a fim de desenvolver bons resultados nas unidades.

Fonte: reprodução/internet

Uma vantagem da marca, são os bons números acumulados em 15 anos de atuação no mercado. Nenhuma franquia da Rockfeller nunca fechou e todas possuem resultados satisfatórios.

A escola de idiomas, disponibiliza ainda dois modelos diferentes de negócio: um compacto e outro mais tradicional. Essa variedade existe para que sejam atendidos públicos de cidades grandes ou pequenas. Uma das fundadoras da Rockfeller, Belz, comenta:

“Montamos a primeira escola nesse formato em uma cidade com 18 mil habitantes que não comportaria o modelo tradicional de uma Rockfeller, e foi um sucesso. Decidimos, então, expandir também desta forma.”

Para saber mais sobre a escola e sobre a contratação de uma franquia Rockfeller, clique aqui.